Arquivo do mês: junho 2021

Graça – Por Priscila Monteiro Santos

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
Graçapor Priscila Monteiro Santos (priscmonteiro.wordpress.com) Não escrever deixa um peso no corpo… e eu nem sabia que era possível uma palavra pesar tanto, mas hoje, me peguei pensando incessantemente no sentido da palavra merecer,…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Haicai sobre a calmaria – Por Daniela Terehoff Merino

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
Desenho de Claudia A. Terehoff Merino Haicai sobre a calmaria Água cristalina,paz, conversa, o céu e um chá:Pausa em que respiro.

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Minhas cidades I – Por Mozileide Neri

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
Minhas cidades I em Porto Alegre o verão é mais quente que o chimarrão, a primavera deixa Blumenau mais aquarelada, a chuva em Joinville chega sem avisar, em Maceió a orla canta o dia…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

O que eu me prometo – Por Jenis

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
O que eu me prometo por Jenis Pela rua, alguém derrama o café enquanto o sol levanta preguiçoso. Um ruído constante, que diz “estou aqui”, das 9 às 17 acompanha a todos por fazer…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Iminência – Por Odilon Machado de Lourenço

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
Iminência Que não me falte elegância na hora do socoA mão direita pesa e a esquerda é chumboSinto acidez no estômago de muitas gentesUm ácido agarrado às paredes da gargantaEstranho incômodo regurgitado pois não…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

As pessoas precisam falar – Por Daniel Pissetti Machado

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
As pessoas precisam falar, meu amor. Dizem que as mulheres falam o dobro. Tanto homens quanto mulheres falam sobre pessoas. Majoritariamente. O segundo assunto são coisas. Carros. Objetos. Finalmente temos aquelas que falam sobre…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Um dia…- Por Priscila Monteiro Santos

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
Um dia…por Priscila Monteiro Santos (priscmonteiro.wordpress.com) Um dia sem perceber a gente volta a sorrir, não é que não haja mais lagrimas e nem que a tristeza tenha se dissipado completamente, não é que…

Publicado em Uncategorized | 1 Comentário

Pátria amada – Por Mozileide Neri

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
Pátria amada o Brasil não foi descoberto foi invadido. Torturado durante a ditadura militar, continua sendo roubado todos os dias. Sobreviveu ao Covid-19, mas continua acamado lutando para não morrer.

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Eu sempre vou preferir as pessoas – Por Daniel Pissetti Machado

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
As novas tecnologias vão resolver problemas que nem sabemos que temos. O 5G, que estará presente em 70% dos municípios brasileiros em 2022, hiperconectará tudo. Sem latência. Grandes clusters de processamento, localizados em regiões…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Azul aviador – Por Priscila Monteiro Santos

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
Azul aviadorpor Priscila Monteiro Santos (priscmonteiro.wordpress.com) Brigas de família, e a menina desce a escada segurando a barra do vestido que é muito comprido e florido enquanto as chinelas fazem barulho ao tocar cada…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Soneto de uma jovem diferente – Por Daniela Terehoff Merino

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
Desenho de Cláudia A. Terehoff Merino Soneto de uma jovem diferente Cabelos verdes; boca caramelo.Com chifres roxos e olhar profundoDiferente das outras de seu mundoSorri em universo paralelo. Ela sabe: é difícil criar elopois…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

o predagogo – Por Ian Plat

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
o predagogo como se fosse fáciltransformar cordeiros em lobospegar um a umesses animaizinhos tolosalegres e dóceisinocentese abrir-lhes a fórcepsos corações e as mentespara revelar-lhes nosso estado naturalnossa verdade mais profundavisceralnão será sadismonem niilismo radicalpoder…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Dia do amor

Publicado originalmente em Um jardineiro poeta:
Um jardineiro poeta Ver o post original

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Todos consideram-se mais honestos do que são – Daniel Pissetti Machado

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
A burocracia gera emprego. Veja quantas pessoas dedicam-se à Contabilidade e ao Despacho e Desembaraço de Mercadorias, Serviços e mesmo de Documentos – e toda a Indústria ao redor disso Cargos em Comissão desnecessários…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Uma folha de Outono

Publicado originalmente em Um jardineiro poeta:
Um jardineiro poeta Ver o post original

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Rosa

Publicado originalmente em Um jardineiro poeta:
Um jardineiro poeta Ver o post original

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Cantigas de ninar – Por Priscila Monteiro Santos

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
Cantigas de ninarpor Priscila Monteiro Santos (priscmonteiro.wordpress.com)? ????????????????????????????? Meu Deus eu queria explicar, mas ainda não fui capaz de entender, ver aquele pequenino ser, ali comigo, só eu e ele, e ele dependente totalmente…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Sobrecarga visual – Por Mozileide Neri

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
Sobrecarga visual Histórias narradas por imagens mal contadas o sorriso editado a paisagem recortada o enredo repetido a sobrecarga visual filtram os dias cheios de tédio.

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Clichê – Por Ian Plat

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
Clichê Era uma vezum reino burguêsum fazendão interminávelcom vista pro mare com um quartel do ladoonde a distribuição de rendanunca havia sido um problemauns tinhamoutros nãosimples assimcomo Deus queriatinha matatinha riotinha heliportoquadra de tênistinha…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Muitos se enfeitiçaram sem querer – Por Daniel Pissetti Machado

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil/ 100 poetas brasileiros:
Muitos se enfeitiçaram sem querer. As palavras podem enfeitiçar as pessoas. Realidades holográficas transitam as telas. Você está atrás dos olhos. O resto é representação auto-materializada. Todos os livros confessam. Padrões são normais na…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário