Arquivo do mês: setembro 2020

O grande aprendiz – Por Chilo

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil:
Alguns o chamaram de mestreSeus caminhos foram muitosConheceres absorveu nos sentidosExercitou-os como ondas no marSeus olhos ensinaram-lhe ver as almasConseguia perceber nas vozes princípios de amorSe tocava as mãos colhia a cor da saciedadeDaquilo parido para…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Portal – Por Chilo

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil:
Tenho esse vão dentro do peitoDentro o universo, milhões de galáxiasCanal por onde voa uma borboleta vermelhaDentre tantas estrelas ela pousaBem em cima do peitoCom a boca vermelha de mulher luaA borboleta vermelha finge adormecerSeus olhos…

Publicado em Uncategorized | 2 Comentários

Samurai – Por Chilo

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil:
Entre paisagens de arrozaisPercorre a imponência do guerreiroMissão e destino guardados na espadaSua armadura, chance de ir mais longeSeu coração, o caminho do guerreiro. Poema de Odilon Machado de Lourenço

Publicado em Uncategorized | 3 Comentários

Nuances

Vem dos seus olhos Universos, luzes infindas Seus braços regulam a órbita Das mãos à sua boca há sete luas Anéis iluminados circundam-lhe Outros tantos de estrelas escapam-lhe dos poros És mulher criadora de amor Seus seios iluminam dois mundos … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Criança que vai… by Odilon Machado de Lourenço

Publicado originalmente em MasticadoresLab:
Um dia a criança percebe seus olhos Os olhares no entorno são dádivas da luz Seus olhos vão pondo cores nas coisas E seus lábios se abrem com sorrisos de pássaros As crianças crescem de dentro…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Floresta rebelde by Odilon Machado de Lourenço

Publicado originalmente em MasticadoresEcologia:
Seio materno da Terra Veias de rios na pele verde Humanidade criança lhe apalpa Instintivamente procuram sua seiva Sobem árvores a procurar o seio Mudam o curso de rios a procurar o veio Rasgam a roupa…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

a Fattori por João-Maria

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil:
Der Turm von Magnale, 1980, Giovanni Fattori Traduzir é uma tarefa pesada:o que colecionámos do azul-escuroentregámos à mágoacomo organismos peremptóriose desgarrados. O que colecionámos da mentiraestregámos à história, ou, nem isso,aos nomes das coisas, que tão…

Publicado em Uncategorized | 3 Comentários

Terceiro olho – Por Chilo

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil:
Abrir a flor da almaExpandir amor, luz da almaDimensão de rios correntesCristalinas águas, vertentes de sóisForça pulsante dos átomosPoema novo quebrando a casca do ovoEnergia vibrátil do mundo eis sua nascenteEstrada aberta em gota d’águaPerfume exalando…

Publicado em Uncategorized | 4 Comentários

Sem destino – Por Ian Plat

Publicado originalmente em MasticadoresBrasil:
“Eles não têm medo de vocês, mas do que vocês representam.”“Cara, pra eles só representamos alguém que devia cortar o cabelo.”“Não. Pra eles vocês representam A LIBERDADE.”“E qual o problema? Liberdade é legal.”“É verdade. Só que…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Rio Vermelho by Odilon Machado de Laurenço

Publicado originalmente em MasticadoresLab:
Hoy presentamos en MasticadoresLAB a Odilon, con el vamos conociendo a los 12 escritores que participarán en este blog. Odilon vive al sur de Brasil y es el editor de MasticadoresBrasil: una mente abierta, siempre a…

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário